Home
 
 
 
 
 
 
 

19/12/2017 

         A Importância da Presença do Espírito Santo no Crente        

Jo. 16.7-14

Int.- De todos os presentes que Deus tem dado à humanidade, não há um maior do que a presença do Espírito Santo. O Espírito Santo é a terceira pessoa da Trindade, Ele tem muitas funções, papéis e atividades. Primeiro, Ele trabalha nos corações de todos aqueles que aceitaram a Jesus como Salvador em todos os lugares. Jesus disse aos seus discípulos que enviaria o Espírito Santo ao mundo para convencer “o mundo do pecado, da justiça e do juízo”. Todas as pessoas tem uma consciência de que Deus existe, quer admitam ou não, pois o Espírito Santo aplica as verdades de Deus às mentes dos homens para convencê-los com argumentos suficientes e justos de que são pecadores. E essa convicção leva os homens à salvação.

      Quando somos salvos e pertencemos a Deus, o Espírito Santo passa a residir em nosso coração.

      Jesus disse que enviaria o Espírito Santo para ser o nosso Consolador, Conselheiro e Guia.

Jo. 14.16: E eu rogarei ao Pai, e ele vos dará outro Consolador, para que fique convosco para sempre.

V. 17: O Espírito da verdade, que o mundo não pode receber, porque não o vê, nem o conhece; mas o conheceis, porque habita convosco e estará em vós.

- Aqui Jesus deseja que o Espírito Santo habite no crente para sempre, tanto aqui nesta vida e também na eternidade.

- Jesus aqui fala algumas verdades: Primeiro, Ele fala o mundo não pode receber; segundo e nem o conhecer.

- E Jesus diz: “Mas vós o conheceis, porque habita convosco”.

- A palavra grega traduzida como “consolador” significa um que é chamado para o lado de alguém, e dá a ideia de alguém que encoraja e exorta.

- A palavra para “esteja” tem a ver com sua residência permanente nos corações dos crentes.

I Co. 6.19: Ou não sabeis que o vosso corpo é o templo do Espírito Santo, que habita em vós, proveniente de Deus, e que não sois de vós mesmos?

V. 20: Porque fostes comprados por bom preço; glorificai, pois, a Deus no vosso corpo e no vosso espírito, os quais pertencem a Deus.

I- Funções do Espírito Santo.

1- Revelar a Verdade.

- A presença do Espírito Santo dentro de nós nos capacita a entender e interpretar a Sua Palavra.

V. 13: Mas, quando vier aquele Espírito da verdade, ele vos guiará em toda a verdade, porque não falará de si mesmo, mas dirá tudo o que tiver ouvido e vos anunciará o que há de vir.

- Ele revela a nossa mente o conselho completo de Deus em relação ao louvor, doutrina e vida cristã.

- Ele é o verdadeiro guia, indo na nossa frente, mostrando o caminho, removendo os obstáculos, abrindo as portas para o entendimento e fazendo todas as coisas claras e evidentes.

- Ele nos mostra o caminho que devemos seguir em todas as coisas espirituais.

- Sem um guia assim, seriamos propensos a cair em erro.

- O Espírito Santo nos convence da divindade e procedência de Cristo.

- O Espírito Santo dá glória a Cristo em tudo.

V. 14: Ele me glorificará, porque há de receber do que é meu e vo=lo há de anunciar.

2- Distribuir Dons.

- Outra função do Espírito Santo é distribuir os dons espirituais outorgados aos crentes, para que possamos funcionar como corpo de Cristo na terra.

- Todos esses dons, grandes e pequenos, são dados pelo Espírito para que possamos ser Seus embaixadores ao mundo, mostrando Sua graça e glorificando a Ele.

I Co. 12.7: Mas a manifestação do Espírito é dada a cada um para o que for útil.

3- Produzir o Fruto do Espírito no Coração do Crente.

- O Espírito Santo funciona como produtor de fruto em nossa vida.

Gl. 5.22: Mas o fruto do Espírito é: caridade, gozo, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fé, mansidão, temperança.

- A nossa carne não consegue produzir esse fruto em nosso coração, somente o Espírito Santo pode produzir.

- É um fruto espiritual, que vem de Deus ao coração do crente.

- Somente quem tem o Espírito Santo pode produzir esse fruto do Espírito.

II- A Importância do Espírito Santo na Vida do Crente Hoje.

- Vivemos em dias maus, onde o pecado tem se multiplicado na terra.

- Onde a maldade do homem tem crescido, onde a imoralidade tem aumentado.

- Como servos de Deus precisamos da presença continua do Espírito Santo em nossa vida.

- Não podemos abaixar a guarda em nenhum momento.

- Jesus sabia disso, por isso que Ele disse, que o Espírito Santo ficaria conosco para sempre.

- O crente deve preservar o Espírito Santo em seu coração para o dia do arrebatamento da igreja.

Ef. 4.30: E não entristeçais o Espírito Santo de Deus, no qual estais selados para o dia da redenção.

- No dia do arrebatamento da igreja só vai subir quem tiver o Espírito Santo de Deus.

- Muitas pessoas ficarão decepcionadas nesse dia pensando que vão subir.

- Não basta frequentar uma igreja, cantar os hinos, ouvir a pregação, tomar a santa ceia; precisa ter o Espírito Santo de Deus na sua vida.

- Hoje há muitas pessoas frequentadoras de igreja, pessoas religiosas, pessoas que estão com um pé na igreja e um pé no mundo.

- Pessoas que pensam que são salvas porque frequentam uma igreja, mas não tem o Espírito Santo de Deus.

- O mais importante para nós é ter a presença do Espírito Santo.

- O Espírito Santo na vida do crente, ele ilumina toda a sua vida.

- O Espírito Santo direciona a vida do crente, Ele mostra o caminho em que deve seguir.

- O Espírito Santo trás alegria e gozo ao coração do crente em seu viver.

- O Espírito Santo inspira o crente a viver uma vida numa dimensão superior.

- O Espírito Santo fortalece o crente para enfrentar e vencer as batalhas da vida.

- O Espírito Santo ajuda o crente nas suas fraquezas e intercede com gemidos inexprimíveis.

- Em nossa vida cristã em direção ao céu necessitamos da presença do Espírito Santo para nos guiar, fortalecer, consolar e ensinar.

III- O Crente Deve Conservar o Espírito Santo em Sua Vida.

- Na Bíblia o Espírito Santo é revelado como Pessoa, com sua própria individualidade. Ele é uma Pessoa divina como o Pai e o Filho. Ele pensa, sente, determina, tem faculdade de amar e de ter comunhão, se entristece.

I Ts. 5.19: Não extingais o Espírito.

- Não bloqueie o Espírito Santo de sua vida.

- Não entristeça o Espírito Santo, porque Ele pode se afastar de você.

- Se nós não dermos ouvidos ao Espírito Santo Ele vai se afastando aos poucos de nós.

1- A pessoa que tem o Espírito Santo tem o temor de Deus no seu coração.

Pv. 8.13: O temor do Senhor é aborrecer o mal; a soberba, e a arrogância, e o mau caminho, e a boca perversa aborreço.

- O crente para manter o Espírito Santo precisa se desviar do pecado, tendo o temor de Deus no coração.

2- A pessoa que tem o Espírito Santo ama ao Senhor Jesus, estuda e pratica a sua Palavra.

Jo. 14.15: Se me amardes, guardareis os meus mandamentos.

- O crente para manter o Espírito Santo precisa praticar a Palavra de Deus.

- A Palavra de Deus precisa ser a sua bussola, a sua cartilha.

3- A pessoa que tem o Espírito Santo demonstra através de suas atitudes e maneira de viver.

- Isso é o fruto do Espírito Santo.

Sl. 37.23: Os passos de um homem bom são confirmados pelo Senhor, e ele deleita-se no seu caminho.

4- A pessoa que tem o Espírito Santo gosta de fazer a obra de Deus.

- Ele sente-se impulsionado a fazer algo para Deus.

- É uma arvore frutífera para Deus.

Sl. 92.13: Os que estão plantados na casa do Senhor florescerão nos átrios do nosso Deus.

- O crente que tem o Espírito Santo deve gostar de cantar hinos, ler a Bíblia, orar, cultuar a Deus.

Conclusão: O crente para manter a comunhão com Espírito Santo deve viver uma vida de retidão, servindo a Deus, vivendo a Sua Palavra, louvando a Deus em todos os momentos.

 

 

 
       
 

Pr. Silvano Doblinski
Presidente da Igreja Assembleia de Deus
do Jabaquara em São Paulo - Brasil







 

 
Mais mensagens
Adicionar AD Jabaquara aos Favoritos