FORTALECENDO-
SE PARA AS ADVERSIDADES                                                                     18/11/2008

Sl. 27.1-14
 

Int.- Somos crentes em Cristo Jesus, chamados para a Salvação; temos a presença de Deus e sentimos a sua mão nos guiando e nos protegendo neste mundo.

      Buscamos alcançar a plenitude da alegria de Cristo em nossas vidas, enquanto vivemos neste mundo.

      Mas como salvos em Cristo Jesus, não estamos imunes de enfrentarmos adversidades nesta vida; e todos nós passamos por algum dia de angústia, de batalhas, de sofrimentos e até de tristezas. Mas o mais importante é estarmos preparados para esse dia, sabendo que o nosso Deus nos esconderá no seu pavilhão naquele dia.

Pv. 16.1- Do homem são as preparações do coração, mas do Senhor, a resposta da boca.

V.5- Porque no dia da adversidade me esconderá no seu pavilhão; no oculto do seu tabernáculo me esconderá; pôr-me-á sobre uma rocha.

- A palavra pavilhão significa abrigo.

I- Jesus Cristo Enfrentou Adversidades.

Jo. 16.33- Tenho-vos dito isso, para que em mim tenhais paz; no mundo tereis aflições, mas tende bom ânimo; eu venci o mundo.

- Jesus foi perseguido.

- Jesus foi afligido pelos religiosos judeus.

- Jesus foi rejeitado pelos judeus.

- Mas Jesus disse: eu venci o mundo.

II- O Cristão na sua vida passa por Adversidades.

Ec. 11.8- Mas, se o homem viver muitos anos e em todos eles se alegrar, também se deve lembrar dos dias das trevas, porque hão de ser muitos. Tudo quanto sucede é vaidade.

Ec. 7.14- No dia da prosperidade, goza do bem, mas, no dia da adversidade, considera; porque também Deus fez este em oposição àquele, para que o homem nada ache que tenha de vir depois dele.

Jó 30.26- Todavia, aguardando eu o bem, eis que me veio o mal; e, esperando eu a luz, veio a escuridão.

- Exemplos Bíblicos: José passou por adversidades; Jô enfrentou adversidades; Davi passou por adversidades; Daniel passou por adversidades; João Batista passou; Paulo passou e muitos outros.

   2

- Esse dia é chamado de dia da angústia; dia da aflição; dia da agonia; dia mau.

- Três coisas importantes sobre o dia da angústia:

1- Sabermos que esse dia existe.

2- Que devemos estar preparado para esse dia.

3- Sabermos que temos promessas de Deus para quando chegar esse dia.

III- O Cristão pode aprender grandes lições no dia da Adversidade.

- Até o dia mal coopera para o nosso bem.

Rm. 8.28- E sabemos que todas as coisas contribuem juntamente para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados por seu decreto.

- As aflições que o crente passa tem lições importantes para apreendermos, e para consolarmos os outros.

II Co. 1.3-6- Bendito seja o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai das misericórdias e o Deus de toda consolação.

      Que nos consola em toda a nossa tribulação, para que também possamos consolar os que estiverem em alguma tribulação, com a consolação com que nós mesmos somos consolados de Deus.

      Porque, como as aflições de Cristo são abundantes em nós, assim também a nossa consolação sobeja por meio de Cristo.

      Mas, se somos atribulados, é para vossa consolação e salvação; ou, se somos consolados, para vossa consolação é, a qual se opera, suportando com paciência as mesmas aflições que nós também padecemos.

- Deus usa as adversidades da nossa vida para a nossa educação espiritual.

Rm. 5.3-5- E não somente isto, mas também nos gloriamos nas tribulações, sabendo que a tribulação produz a paciência.

      E a paciência, a experiência; e a experiência, a esperança.

      E a esperança não traz confusão, porquanto o amor de Deus está derramado em nosso coração pelo Espírito Santo que nos foi dado.

IV- O que o Crente deve fazer no Dia da Angústia?

1- Deve Orar.

Sl. 18.6- Na angústia, invoquei ao Senhor e clamei ao meu Deus; desde o seu templo ouviu a minha voz e aos seus ouvidos chegou o meu clamor perante a sua face.

       3

Sl. 50.15- E invoca-me no dia da angústia; eu te livrarei, e tu me glorificarás.

- A oração é terapia para a hora da angústia.

 

2- O Crente deve ser Forte e Enfrentá-la.

Pv. 24.10- Se te mostrares frouxo no dia da angústia, a tua força será pequena.

- Deus disse para Josué: Esforça-te e tem bom ânimo.

- Não podemos nos acovardar diante das adversidades.

- Os sábios encontram oportunidades nas dificuldades; os tolos, nas oportunidades, encontram dificuldades.

- Diz um ditado inglês: Quando o medo bateu à porta, a fé foi atendê-lo. Não havia ninguém lá.

 

3- O Crente deve se Fortalecer em Deus.

Ef. 6.10- No demais, irmãos meus, fortalecei-vos no Senhor e na força do seu poder.

Na. 1.7- O Senhor é bom, uma fortaleza no dia da angustia, e conhece os que confiam nele.

 

4- O Crente deve Meditar na Palavra de Deus e Lembrar das Suas Promessas.

Sl. 119.50- Isto é a minha consolação na minha angústia, porque a tua palavra me vivificou.

Sl. 119.92- Se a tua lei não fora toda a minha alegria, há muito que teria perecido na minha angústia.

 

Conclusão: Como Cristão não estamos imunes de enfrentar adversidades e dias difíceis; mas podemos estar certos que se buscarmos ao Senhor, e confiarmos em Sua Palavra, Ele nos dará forças e condições de vencermos os dias maus e as adversidades.

 




 

Pr. Silvano Doblinski
Presidente da Igreja Assembleia de Deus
do Jabaquara em São Paulo