A Diferença Entre Ser Cristão e Ser Discípulo                                                                15/06/2010

Lc.14.25-33
 

Int.- Jesus Cristo veio a este mundo com a Missão dada pelo Pai, de salvar o pecador, derramando o seu sangue na Cruz do Calvário, através do seu sacrifício expiatório. Jesus através do seu sacrifício na Cruz, estabeleceu o Seu Reino entre os homens; formando um grupo de seus seguidores, as quais os homens denominam de: Cristãos. Que são aqueles que seguem os ensinamentos do Senhor Jesus.

      Cristãos são todos aqueles que crêem na pessoa do Senhor Jesus, na sua história, no seu sacrifício expiatório, na sua ressurreição, nos seus ensinamentos e que professam o seu nome.

      Ser cristão é uma benção; poder carregar esse nome e desfrutar das honras e se diferenciar de outras religiões. Mas ser discípulo é muito melhor, é o que nos ensina o Senhor Jesus.

I- A Designação do Cristão.

      No Novo Testamento aparece apenas três vezes o nome cristão. Originalmente deve ter sido um termo de escárnio, de zombaria das pessoas.

      Essa designação dos primeiros seguidores de Cristo como cristãos surgiu de pessoas não cristãs de Antioquia. O termo em si quer dizer um seguidor de Cristo.

At.11.26- E sucedeu que todo um ano se reuniram naquela igreja e ensinaram muita gente. Em Antioquia foram os discípulos, pela primeira vez, chamados cristãos.

      Atualmente, o termo cristão tem perdido parte de seu verdadeiro significado como seguidor de Cristo. Para alguns, cristão significa pouco mais que um nome que distingue a pessoa em relação ao islamismo ou judaísmo, enquanto para outros passou a ser nome de uma denominação especifica. Entretanto, seu significado original é nobre, do qual todo seguidor de Cristo deve orgulhar-se.

- Mas hoje ser chamado de cristão é muito genérico.

- Hoje qualquer pessoa diz que é cristão; tantos os católicos praticantes, como os não praticantes e pessoas de outras religiões.

- A Bíblia diz que até o diabo é crente.

Tg.2.19- Tu crês que há um só Deus? Fazes bem; também os demônios o crêem e estremecem.

 

- Os demônios crêem e estremecem diante de Deus.

- Hoje podemos dizer: Ser só cristão é muito generalizado; é preciso ir além disso, é preciso ser discípulo.

II- A Designação do Discípulo.

      A palavra discípulo no grego é a palavra “Akoloutheim” que significa “aprendiz, “seguidor” e também “imitador do mestre”.

- No Novo Testamento aparece 272 vezes a palavra discípulo.

      Ser discípulo de Jesus é mais específico e mais contundente, do que ser apenas um cristão.

- Porque o discípulo vai procurar imitar o seu mestre.

- Há um compromisso muito forte em ser discípulo de Jesus.

V.26- Se alguém vier a mim e não aborrecer a seu pai, e mãe, e mulher, e filhos, e irmãos, e irmãs e ainda também a sua própria vida, não pode ser meu discípulo.

- Jesus estava dizendo aqui: colocar a família em segundo lugar.

- Amar mais a Deus do que a família.

V.27- E qualquer que não levar a sua cruz e não vier após mim não pode ser meu discípulo.

- Todo discípulo tem a sua cruz para carregar.

- O discípulo carrega a sua cruz e segue os ensinamentos de Jesus.

A) Ser Discípulo é ser comprometido com Jesus.

- O discípulo caminha com o seu mestre.

- O discípulo tem alegria em estar com o mestre.

- O discípulo é um eterno aprendiz.

- O discípulo sabe que não é maior que o mestre.

Mt.10.24- Não é o discípulo mais do que o mestre, nem o servo mais do que o seu senhor.

- Jesus nunca pediu para formar cristãos, mas pediu para fazer discípulos.

Mt.28.19- Portanto, ide, ensinai todas as nações, batizando-as em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo.

- Numa outra versão diz: “Portanto, ide, fazei discípulos em todas as nações”.

- O nosso compromisso com Jesus é de fazer discípulos.
 

B) Ser Discípulo de Jesus é permanecer na Palavra de Deus.

Jo.8.31- Jesus dizia, pois, aos judeus que criam nele: Se vós permanecerdes na minha palavra, verdadeiramente, sereis meus discípulos.

- Jesus disse isso, porque muitos chegam até Jesus atrás de uma benção, depois que recebem se afastam.

- Querem a benção, mas não querem o abençoador.

- Permanecer é ficar, é não ausentar-se.

C) Ser Discípulo de Jesus é amar o próximo.

Jo.13.35- Nisto todos conhecerão que sois meus discípulos, se vos amardes uns aos outros.

- A credencial de identificação do discípulo de Jesus é o amor.

Rm.12.10- Amai-vos cordialmente uns aos outros com amor fraternal, preferindo-vos em honra uns aos outros.

- Porque ter o nome de cristão e não amar, é apenas religiosidade barata, sem compromisso.

- Quantos colocam um adesivo no carro dizendo: “Deus é fiel”. Mas não tem nenhum compromisso com Deus.

D) O Discípulo de Jesus dá fruto.

Jo.15.8- Nisto é glorificado meu Pai: que deis muito fruto; e assim sereis meus discípulos.

- Além de dar fruto, tem que dar muito fruto.

- Discípulo que é discípulo de Jesus não fica sem dar fruto no Reino de Deus.

- O discípulo tem a obrigação de dar fruto.

- Aqueles que produzem muito fruto são autênticos discípulos de Jesus.

- O discípulo não é identificado pelo cargo ou pela credencial, mas pelo fruto.

Mt.7.20- Portanto, pelos frutos os conhecereis.

- Dar fruto não é coisa forçada, mas é algo natural para o discípulo.

- Da mesma maneira o amor, você não pode obrigar ninguém a amar; ou você ama ou você não ama.

E) Ser Discípulo é por Deus em primeiro lugar.

Lc.14.33- Assim, pois, qualquer de vós que não renuncia a tudo quanto tem não pode ser meu discípulo

- Para ser discípulo de Jesus, nada pode estar acima dessa comunhão.

- Todas as coisas da nossa vida devem estar em segundo plano.

- O nosso amor a Deus deve ser maior do que o amor as demais coisas.

- Quando isso acontece então somos verdadeiros discípulos do Senhor.

Mt.6.33- Mas buscai primeiro o Reino de Deus, e a sua justiça, e todas essas coisas vos serão acrescentadas.

 

Conclusão: Ser cristão é um benção, mas ser discípulo é muito melhor. Quando nos conscientizamos desse chamado de Jesus, então estaremos no centro da vontade de Deus para a nossa vida.

     

  Pr. Silvano Doblinski
Presidente da Igreja Assembleia de Deus
do Jabaquara em São Paulo - Brasil