Home
 
 
 
 

Cristo Oráculo de Deus

15/06/2014

Dt. 18.18; Jo. 1.45  


 

Int.  Amados, Moisés o maior vulto, o maior profeta do Antigo Testamento, com ele Deus falava cara a cara, como não falara com nenhum outro. Moisés foi o libertador usado por Deus, para libertar o povo hebreu do Egito. Moisés foi um estadista, um historiador, um poeta e o legislador hebreu. Deus o usou para formar, de uma raça de escravos egípcios, e sob as maiores dificuldades, uma nação agressiva e poderosa que completamente alterou o curso da humanidade.

O livro de Deuteronômio é uma coletânea de discursos e cânticos de Moisés que ele dirigiu ao povo de Israel em despedida. Moisés estava no alto do Monte Pisga onde ele recorda os acontecimentos marcantes pelas quais passou o povo hebreu. Moisés neste livro volta o seu olhar para o futuro do povo hebreu que ele estava prestes a deixar.

Este livro contém um resumo instrutivo da história de Israel no deserto.

- Deuteronômio é um livro de recordações.

- Recordações das leis e de tudo aquilo que lhes aconteceu na caminhada no deserto.

- A palavra Deuteronômio significa “segunda lei”, o que indica a repetição da lei.

- Deuteronômio relata a preparação final do povo de Israel para a entrada na terra prometida.

Moisés, um ancião, tinha agora cento e vinte anos.

- Moisés estava preocupado como seria o futuro dos hebreus depois da sua partida.

- Moisés estava ciente que tinha feito um grande trabalho; e que o povo estava instruído em toda a lei de Deus.

- E agora Deus fala com Moisés 1.500 anos a.C. que levantaria um profeta como ele do meio dos judeus, e que lhe poria as Suas palavras na sua boca.

- Moisés se preocupa com o futuro do seu povo, como eles viveriam sem a sua presença, e Deus lhe faz essa predição.

- Assim como Moisés, esse profeta seria um israelita e falaria a palavra de Deus.

- Foi mediante a essa promessa dada por Deus a Moisés, que os judeus esperavam o Messias, o grande profeta.

- Durante séculos os judeus aguardaram o cumprimento dessa profecia.

I- O Cumprimento da Profecia.

- Essa profecia se cumpriu com a chegada de Jesus.

Jo. 1.45: Filipe achou Natanael e disse-lhe: Havemos achado aquele de quem Moisés escreveu na Lei e de quem escreveram os Profetas: Jesus de Nazaré, filho de José.

- Esse versículo mostra o cumprimento da profecia.

Gl. 4.4: Mas, vindo a plenitude dos tempos, Deus enviou seu Filho, nascido de mulher, nascido sob a lei.

- Jesus cumpriu todas as exigências da lei com a sua chegada.

- O excelso profeta semelhante a Moisés foi Jesus Cristo.

- Deus o enviou na hora precisa e necessária da história da humanidade.

II- O Testemunho de Filipe a Natanael.

- Filipe disse a Natanael: “Havemos achado aquele de quem Moisés escreveu na Lei e de quem escreveram os Profetas”.

- O nome Natanael significa dom de Deus.

- Natanael era de Caná da Galiléia, que ficava pouco mais de seis quilômetros de Nazaré.

- E Natanael conhecia muito bem a cidade de Nazaré.

- Por isso que Natanael estava cético e perguntou: “Pode vir alguma coisa boa de Nazaré?”

- Natanael era um verdadeiro israelita, em quem não havia dolo ou engano, isto é, hipocrisia.

- Natanael vivia e praticava piamente a lei.

- Por isso Filipe disse a Natanael: “Havemos achado aquele de quem Moisés escreveu na Lei”.

- Filipe usou a lei para convencer a Natanael que o Messias havia chegado.

- Quando Natanael perguntou a Filipe: “Pode vir alguma coisa boa de Nazaré?”

- Disse-lhe Filipe: “Vem e vê”.

- Quando Jesus viu a Natanael disse dele: “Eis aqui um verdadeiro israelita, em quem não há dolo”.

- Natanael perguntou: “De onde me conheces tu?”

- Jesus disse: “Antes que Filipe te chamasse, te vi eu estando tu debaixo da figueira”.

- Nesse momento caiu a ficha de Natanael e ele creu em Jesus, e passou a ser um seguidor de Jesus.

III- Cristo Foi o Porta Voz de Deus.

- Diz aqui em Deuteronômio: “E porei as minhas palavras na sua boca, e ele lhes falará tudo o que eu lhe ordenar”.

- Jesus veio para cumprir o propósito de Deus.

- Jesus veio para cumprir a sua missão como enviado do Pai.

- Como Moisés foi salvo da morte na infância e durante sua juventude ele renunciou à corte real para identificar-se com o seu povo, assim também sucedeu com Jesus.

Jo. 8.26: Muito tenho que dizer e julgar de vós, mas aquele que me enviou é verdadeiro; e o que dele tenho ouvido, isso falo ao mundo.

- Jesus aqui diz: “E o que dele tenho ouvido, isso falo ao mundo”.

- Jesus ouvia o Pai e transmitia ao mundo.

- As palavras que Jesus proferia, os ensinamentos que Jesus passava, vinham do Pai, vinham de Deus.

- Jesus foi o Oráculo de Deus.

Jo. 14.10: Não crês tu que eu estou no Pai e que o Pai está em mim? As palavras que eu vos digo, não as digo de mim mesmo, mas o Pai, que está em mim, é quem faz as obras.

- Jesus fazia as obras que o Pai lhe direcionava para fazer.

- Jesus pregava o Evangelho do Reino e curava os enfermos.

Jo. 12.49: Porque eu não tenho falado de mim mesmo, mas o Pai, que me enviou, ele me deu mandamento sobre o que hei de dizer e sobre o que hei de falar.

- Jesus aqui diz: Que ele não falava de si mesmo, mas falava o que o Pai lhe colocava no coração.

- A missão de Jesus era especifica: Salvar o seu povo do seu pecado.

- Quando você crê nas palavras de Jesus, você está crendo em Deus.

- Quando você recebe Jesus em seu coração, você está recebendo Deus em sua vida.

Jo. 10.30: Eu e o Pai somo um.

- Amados, Jesus é Deus.

- A maior riqueza que nós gentios alcançamos: Que é Cristo em nós.

Cl. 1.27: Aos quais Deus quis fazer conhecer quais são as riquezas deste mistério entre os gentios, que é Cristo em vós, esperança da glória.

- A presença de Cristo em nossa vida é algo maravilhoso.

- A presença de Cristo nos trás paz, alegria, conforto e esperança.

- A presença de Cristo em nós nos fortalece, crendo num futuro promissor.

- Quem tem Jesus tem tudo.

- Quem não tem Jesus não tem nada.

- A presença de Cristo em nossa vida é a nossa maior riqueza.

- Podemos até não ter bens materiais, mas se temos Jesus, temos o bem maior desta vida.

- Um jovem rico chegou até Jesus e perguntou-lhe: Bom Mestre, que hei de fazer para herdar a vida eterna?

- Jesus lhe respondeu: Pratica os mandamentos.

- E o jovem lhe disse: Todas essas coisas tenho observado desde a minha mocidade.

- Então Jesus lhe disse: Ainda te falta uma coisa: vende tudo quanto tens, reparte-o pelos pobres e terás um tesouro no céu; depois, vem e segue-me.

- O jovem rico ouvindo isso, ficou muito triste, porque era muito rico.

- O problema desse jovem não era porque era rico; era que o seu coração estava ocupado com as suas riquezas, e não havia espaço para Jesus.

- Jesus quer morar no seu coração; mas Ele quer exclusividade.

- Você pode até ter riqueza; mas não ponha ela no seu coração.

- Deixe Jesus morar no seu coração.

Ap. 3.20: Eis que estou à porta e bato; se alguém ouvir a minha voz e abrir a porta, entrarei em sua casa e com ele cearei, e ele, comigo.

- Jesus está batendo na porta do seu coração.

- Jesus quer entrar em seu coração e fazer morada.

- Jesus quer cear com você.

- Abra a porta do seu coração.

- Deixe Jesus entrar.

- A presença de Jesus vai mudar toda a sua vida.




 

Pr. Silvano Doblinski
Presidente da Igreja Assembleia de Deus
do Jabaquara em São Paulo - Brasil

















 

Mais mensagens
Adicionar AD Jabaquara aos Favoritos