VENCENDO O PECADO 
Rm. 6.1-14
                                                                

07/02/2012
 

Int.- A Epistola aos Romanos foi escrita pelo Apóstolo Paulo, estando em Corinto, na casa de Gaio, um cristão risco desta cidade, por ocasião da sua terceira viagem missionária. Foi escrita no quarto ano de Nero, imperador romano.

      Esta é a primeira Epístola das treze que Paulo escreveu. Nesta Epístola Paulo apresenta o Evangelho de Cristo. Ele começa dizendo: “Paulo, servo de Jesus Cristo, chamado para apóstolo, separado para o evangelho de Deus. Paulo escreve aos santos de Roma, a respeito de um Salvador.

      A Epístola aos Romanos se divide em três partes:

1- A primeira do capítulo 1 ao 8: Conta-nos como o evangelho salva o pecador.

2- A segunda do capítulo 9 ao 11: Como o evangelho se relaciona com Israel.

3- A terceira do capítulo 12 a 16: Como o evangelho direciona a conduta do cristão; como a vida cristã deve ser, nos aspectos social, civil e pessoal.

I- A União com Cristo.

      No capítulo seis Paulo trata da santificação do cristão. Mostrando que nesse relacionamento com Cristo nos obriga a procurar retidão de vida.

V.1- Que diremos, pois? Permaneceremos no pecado, para que a graça seja mais abundante?

- Santificar- Significa “separar, por a parte”; “fazer santo”.

- Deus nos separa do pecado e do mundo para si mesmo.

- Deus opera em nossos corações e nos faz santos.

V.6- Sabendo isto: que o nosso velho homem foi com ele crucificado, para que o corpo do pecado seja desfeito, a fim de que não sirvamos mais ao pecado.

- O velho homem aqui, significa o nosso antigo modo de vida, nosso modo pecaminoso de viver. Desta maneira, nossa velha maneira de existir foi crucificada, foi crucificada para que o corpo do pecado fosse destruído.

V.7- Porque aquele que está morto está justificado do pecado.

- O que significa estar morto para o pecado?

- Significa a morte para o pecar.

- Tornamo-nos mortos para o poder do pecado.

- Significa que o pecado não tem direito sobre mim.

- Cristo pagou a penalidade do pecado.

V.8- Ora, se já morremos com Cristo, cremos que também com ele viveremos.

- É necessário nós morrermos para o pecado a cada dia.

Rm. 8.36- Como está escrito: Por amor de ti somos entregues à morte todo o dia: fomos reputados como ovelhas para o matadouro.

- Essa é a nossa grande batalha diária.

- O pecado bate a nossa porta todos os dias.

II Co. 4.11- E assim nós, que vivemos, estamos sempre entregues à morte por amor de Jesus, para que a vida de Jesus se manifeste também em nossa carne mortal.

- Nós resistimos ao pecado diariamente por amor ao Senhor.

- Quanto mais nós morremos para o pecado, mais Jesus aparece em nossa vida.

- Quanto mais vencemos o pecado, mais se parecemos com Jesus.

V.11- Assim também vós considerai-vos como mortos para o pecado, mas vivos para Deus, em Cristo Jesus, nosso Senhor.

- O cristão agora vive uma nova vida.

- A velha vida de pecado se acabou e a nova vida em Deus começou.

- Lembre-se: Você não tem que cair em pecado. Não há nada que venha em seu caminho que você não possa vencer, porque você está morto para o pecado e vivo para Deus.

Cl. 3.3- Porque já estais mortos, e a vossa vida está escondida com Cristo em Deus.

- Nós somos amparados e escondidos com Cristo em Deus.

II- A Natureza do Pecado.

      O pecado é a pior desgraça que atingiu a humanidade.

- O pecado significa: Perversidade; errar o alvo; tortuosidade; infringir as leis de Deus; iniqüidade; mal.

Rm. 3.23- Porque todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus.

- O pecado é bonito, gostoso e perfumado; só que leva ao inferno; pois é destrutivo e mortal.

Rm. 6.23- Porque o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna, por Cristo Jesus, nosso Senhor.

- O pecado é atrativo, ele nos atrai.

- O pecado é convidativo.

- O pecado sempre nos persegue.

Exemplo: Alguém liberto de algum vicio, sempre estando num ambiente propicio a esta prática ou perto de alguém que esteja praticando este vicio, será tentado a cometê-lo.

- Nós não podemos brincar e nem menosprezar o pecado, mas estarmos sempre alerta.

Gl. 5.24- E os que são de Cristo crucificaram a carne com as suas paixões e concupiscências.

- A nossa carne é propicia ao pecado.

- Por isso nós temos que crucificar a nossa carne diariamente.

Gl. 2.20- Já estou crucificado com Cristo; e vivo, não mais eu, mas Cristo vive em mim; e a vida que agora vivo na carne vivo-a na fé do Filho de Deus, o qual me amou e se entregou a si mesmo por mim.

- Paulo está dizendo aqui, que quem agora vive nele é Cristo.

- É Cristo quem está agora no trono do seu coração.

- Nós estamos agora debaixo da graça de Deus.

V.14- Porque o pecado não terá domínio sobre vós, pois não estais debaixo da lei, mas debaixo da graça.

III- Em Cristo Nós Vencemos o Pecado.

      A vida cristã não é passiva. Não é deixar Deus fazer tudo. Há coisas que nós mesmos precisamos fazer. Neste capitulo seis mostra três coisas que temos que fazer:

1- Devemos saber a verdade sobre nós mesmos e o que aconteceu conosco.

2- Devemos considerar o que sabemos sobre nós mesmos como verdade e viver de acordo.

3- Devemos nos render ao Espírito. Não somente uma vez por semana, mas todos os dias.

- Ao poder que você se render (se entregar), você será escravo desse poder.

- Você tem só duas alternativas a escolher: Ser escravo do pecado ou ser escravo de Deus.

- O que acontece quando você se torna um escravo de Deus?

- Você passa a ter a habilidade para fazer o bem.

- Você passa a agradar a Deus, porque recebeu a graça e você é morada do Espírito Santo que lhe dá o poder para isso.

- Graça significa que Deus lhe deu o desejo e o poder para não pecar.

- Ser salvo, justificado e perdoado significa que você se colocou sob o comando de Jesus Cristo.

I Jo. 1.9- Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados e nos purificar de toda injustiça.

 

Conclusão: Jesus Cristo que habita em nós, nos ajuda a vencermos todo o mal e sermos vencedores contra o pecado.

I Jo. 4.4- Filhinhos, sois de Deus e já os tendes vencido, porque maior é o que está em vós do que o que está no mundo.

- Em Cristo nós somos mais que vencedores.

 

  Pr. Silvano Doblinski
Presidente da Igreja Assembleia de Deus
do Jabaquara em São Paulo - Brasil

 
Mais mensagens