A ATITUDE DO CRENTE EM FRENTE ÀS LUTAS LUTAS TEMPORAIS                                                  06/10/2009

Rm.12.12
 

Int.- O Apóstolo Paulo neste capítulo dá grandes ensinamentos para o crente viver um cristianismo no Padrão de Deus. É um dos capítulos da Bíblia onde podemos extrair os maiores ensinamentos para o cristão viver o Evangelho de Cristo em sua plenitude. Cada versículo contém ensinamentos valiosíssimos para o crente.

      Este versículo que lemos, Paulo dá a receita de como o crente deve enfrentar os problemas e as lutas que acontecem em nossa vida.

      O Apóstolo Paulo teve experiências grandiosas em sua vida de fé. Enfrentou perseguições e lutas por causa da sua fé em Cristo; mas a sua confiança em Deus o fez vencê-las e superá-las.

II Coríntios 11.23-28:

I- O Cristão não está Isento de Passar por Lutas.

      Aceitamos a Jesus como Salvador para sermos perdoados dos nossos pecados e alcançarmos a Vida Eterna com Deus. E isso não nos isenta das lutas, perseguições e problemas da vida. E muitas vezes por sermos cristãos as lutas aumentam ainda mais.

Jo.16.33- Tenho-vos dito isso, para que em mim tenhais paz; no mundo tereis aflições, mas tende bom ânimo; eu venci o mundo.

- Todos os verdadeiros servos de Deus passam por lutas.

- Lutas que vão moldar o nosso caráter cristão.

- Lutas que vão fortalecer a nossa fé.

- Lutas que vão nos dar experiências com Deus.

- Lutas que nos farão crescer espiritualmente.

- O crente cresce no deserto.

II Tm.3.12- E também todos os que piamente querem viver em Cristo Jesus padecerão perseguições.

- O verdadeiro servo de Deus terá muitos inimigos.

- Por causa da sua retidão, da sua honestidade e justiça.

- Vivemos em um mundo corrompido e pecaminoso e a luz incomoda as trevas.

II- O que Fazer Quando a Tempestade Chega em Nossa Vida.

      É a grande pergunta do servo de Deus.

- Porque a tempestade nos traz preocupações, angústias, sofrimentos, tristezas, desânimos e frustrações.

- Muitos se rendem e naufragam na tempestade.

- Outros fogem e se escondem até de Deus.

      Mas Paulo neste versículo da a receita para o crente em meio a tempestade:

1- Alegrai-vos na Esperança.

- A nossa esperança está em Deus.

- A nossa esperança está nas promessas de Deus.

- Essa esperança é um dos aspectos do fruto do Espírito.

- A esperança é a progenitora da fé ( Isso é a mãe da fé ).

- Sem esperança nós não temos fé.

Jr.17.7- Bendito o varão que confia no Senhor, e cuja esperança é o Senhor.

Rm.8.24,25- Porque, em esperança, somos salvos. Ora, a esperança que se vê não é esperança; porque o que alguém vê, como o esperará?

      Mas, se esperamos o que não vemos, com paciência o esperamos.

- A alegria e o ânimo nos são proporcionados quando contemplamos pela fé, a concretização de nossa esperança espiritual em Cristo.

- A esperança cristã é causa de alegria.

Sl.30.5- Porque a sua ira dura só um momento; no seu favor está a vida; o choro pode durar uma noite, mas a alegria vem pela manhã.

- Não deixe a tristeza da luta e do problema te esmorecer, mas se alegre na esperança.

Is.40.31- Mas os que esperam no Senhor renovarão as suas forças e subirão com asas como águias; correrão e não se cansarão; caminharão e não se fatigarão.

2- Sede Pacientes na Tribulação.

- A paciência é o segredo da espera.

- A paciência é necessária por três razões:

1- O bem esperado acha-se ausente.

2- Há certa demora.

3- Muitas dificuldades intervêm.

- A paciência é uma companheira inseparável da fé.

- Paciência é a qualidade daquele que espera com tranqüilidade.

II Coríntios 1.3-6:

- Não é fácil ser paciente na tribulação.

- Para o crente ser paciente na tribulação ele precisa ter muita confiança em Deus e na Sua Palavra.

Sl.34.19- Muitas são as aflições do justo, mas o Senhor o livra de todas.

- Ter paciência é esperar o tempo de Deus.

- É ter confiança que Deus está no controle de todas as coisas.

- O crente paciente sabe que em quanto ele espera, ele está crescendo espiritualmente.

Hb.3.14- Porque nos tornamos participantes de Cristo, se retivermos firmemente o principio da nossa confiança até ao fim.

- Você participa de Cristo quando você espera com paciência a tua vitória.

- O tempo de Deus é diferente do nosso.

- Deus não tarda e nem falha, Ele age na hora certa.

Sl.37.39- Mas a salvação dos justos vem do Senhor; ele é a sua fortaleza no tempo da angústia.

3- Perseverai na Oração.

- É na oração que o crente encontra consolo e ajuda divina.

- É na oração que o crente recebe força para enfrentar a tempestade.

Ef.6.10- No demais, irmãos meus, fortalecei-vos no Senhor e na força do seu poder.

- A oração é o meio de alcançarmos a Graça de Deus.

- Paulo sabia que a perseverança na oração traria a benção de Deus.

Ef.6.18- Orando em todo tempo com toda oração e súplica no Espírito e vigiando nisso com toda perseverança e súplica por todos os santos.

- Se a tempestade te sobre vem, persevere na oração.

- Não deixe de orar, mas insista na oração.

Mt.7.7,8- Pedi, e dar-se-vos-á; buscai e encontrareis; batei, e abrir-se-vos-á.

      Porque aquele que pede recebe; e o que busca encontra; e, ao que bate, se abre.

- A oração nos alimenta.

- A oração nos fortalece.

- A oração nos renova.

- A oração nos quebranta.

- A oração revela a nossa dependência de Deus.

Sl.34.17- Os justos clamam, e o Senhor os ouve e os livra de todas as suas angústias.