Home
 
 
 
 
 
 
 

05/09/2017 

                                A Suprema Tarefa da Igreja                                

Mc. 16.15-20

Int.- O grande mistério que esteve oculto desde todos os séculos, e em todas as gerações, e que agora foi manifestado aos seus santos é “Cristo em vós”.

      Cristo deve ter um corpo através do qual Ele possa ministrar hoje. E esse corpo sou eu, é você. Nós somos a Igreja, o Seu Corpo, o Seu Templo.

      Agora você e eu somos o Seu Corpo.

      Você é a Igreja. A Igreja é o Corpo de Cristo. Você é o Corpo de Cristo em sua comunidade.

      Cristo ministra através do Seu Corpo hoje da mesma forma em que ministrou através de Seu corpo humano há mais de 2.000 anos atrás.

      Nós somos o Seu templo.

      Eu e você somos a Igreja. O Corpo de Cristo.

Ef. 5.30: Porque somos membros do seu corpo.

      Cristo nada pode fazer aqui na terra, exceto através da Igreja o Seu Corpo. Isso é eu e você.

      Quantas vezes ouvimos falar: Deus podia ter enviado anjos para pregar o Evangelho, mas não o fez; Ele ordenou a sua Igreja o dever de pregar o Evangelho.

      Se os crentes não pregá-lo, ele não será pregado, e almas serão perdidas.

      A pregação do Evangelho se aplica a todos os cristãos, desde os membros até ao pastor, é obrigação de todos.

      Cristo não pode ir visitar o prisioneiro a menos que Ele vá em seu corpo. Ele irá em você. Você é a Igreja. Quando você visitar o prisioneiro, Cristo o visitará. Se você não for, Ele não irá.

      Cristo não pode ir visitar o doente no hospital a menos que Ele vá em seu corpo. Ele irá em você. Você visitando o enfermo, Cristo o estará visitando.

Mt. 25.36: Estava nu, e vestistes-me; adoeci, e visitastes-me; estive na prisão, e fostes ver-me.

Mt. 25.40: E, respondendo o Rei, lhes dirá: Em verdade vos digo que, quando o fizestes a um destes meus pequeninos irmãos, a mim o fizestes.

- Temos uma grande responsabilidade como Igreja de Deus na terra.

I- Qual é a Suprema Tarefa da Igreja na Terra?

- A evangelização do mundo.

V. 16: E disse-lhes: Ide por todo o mundo, pregai o evangelho a toda criatura.

- Esta é uma ordem imperativa de Jesus para a sua Igreja.

- Deus quer salvar o mundo inteiro.

I Tm. 2.4: Que quer que todos os homens se salvem e venham ao conhecimento da verdade.

      Alguns anos atrás à evangelização era feita por todos os membros da igreja ativamente; o evangelismo era um hábito, como na igreja primitiva; por isso que a igreja Assembleia de Deus no Brasil cresceu muito.

      Mas com o tempo os crentes foram perdendo o ardor pela evangelização, e entrando numa zona de conforto. E começaram a surgir em muitas igrejas às equipes de evangelização, longe de significar um progresso, mas uma decadência, é um sinal de debilidade espiritual, pois revela que a tarefa de evangelização confiada por Jesus a todos, está restrita a apenas alguns poucos que ainda não perderam o primeiro amor.

- O que na Igreja Primitiva era a própria alma da igreja hoje é apenas uma fagulha.

- Quando vivemos cheios do Espírito de Deus e controlados por Ele, conseguimos fazer a vontade de Deus aqui na terra.

Mt. 28.19: Portanto, ide, ensinai todas as nações, batizando-as em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo.

- Está foi à ordem da grande comissão que Jesus deu antes de subir para o Pai.

A) A visão divina é uma visão mundial.

1- Quando Deus amou, o amou o mundo.

2- Quando Deus deu o seu Filho, deu-o pelo mundo.

3- Quando Jesus Cristo morreu, morreu pelo mundo.

Jo. 3.16: Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.

- O próprio Jesus Cristo faz esta citação do Pai.

- Nós como Igreja somos cooperadores de Deus aqui na terra no alcance dos perdidos, Deus conta conosco.

- Deus disse a Abraão: “E em ti serão benditas todas as famílias da terra”.

- Já lá atrás Deus anunciava que as nações seriam alcançadas com o evangelho do Senhor Jesus Cristo.

- Jesus anunciou que já é o tempo da colheita.

Jo. 4.35: Não dizeis vós que ainda há quatro meses até que venha a ceifa? Eis que eu vos digo: Levantai os vossos olhos e vede as terras, que já estão brancas para a ceifa.

- Aqui Jesus nos mostra que é só trabalhar que a colheita acontece.

- Os frutos já estão maduros para serem colhidos.

- As pessoas estão necessitadas, carentes, clamando por salvação.

- O tempo da colheita é agora, não podemos perder mais tempo.

- As almas estão sedentas por Jesus neste mundo.

- Se você semear a Palavra chorando, você voltará com alegria.

Sl. 126.5,6: Os que semeiam em lágrimas segarão com alegria.

      Aquele que leva a preciosa semente, andando e chorando, voltará, sem dúvida, com alegria, trazendo consigo os seus molhos.

- A evangelização do mundo deve ocupar o primeiro lugar na vida da igreja.

- Investir em missões é ajuntar tesouro no céu “onde a traça nem a ferrugem corrói, e onde os ladrões não escavam e nem roubam”.

Ap. 3.8: Eis que diante de ti pus uma porta aberta.

- Jesus está falando aqui com a igreja Filadélfia.

- Porta aberta da evangelização

- Porta aberta para pregar o evangelho.

- Porta aberta para ganhar almas para o Senhor.

- Cada crente é um missionário de Jesus.

- Você saiu da porta para fora da sua casa, você já está no campo missionário.

Mt. 13.38: O campo é o mundo; a boa semente são os filhos do reino; e o joio são os filhos do Maligno.

- O mundo está a nossa volta para ser evangelizado e ser ganho para Cristo.

- Não podemos viver um cristianismo solitário, só para nós.

- Aquilo que foi bom para nós, deve ser compartilhado.

- O milagre que Jesus fez em nossa vida, devemos testemunhar ao nosso semelhante.

II Rs. 7.9: Então disseram uns para os outros: Não fazemos bem; este é dia de boas novas, e nos calamos; se esperarmos até a luz da manhã, algum mal nos sobrevirá; pelo que agora vamos e o anunciemos à casa do rei.

- Quatro homens leprosos foram instrumentos de Deus para levar as boas novas de salvação para rei e o povo de Samaria.

- Você tem saúde, você tem vigor, você tem os seus membros perfeitos.

- Seja um instrumento de Deus para a salvação dos perdidos.

Jd. 23: E salvai alguns, arrebatando-os do fogo; tende deles misericórdia com temor, aborrecendo até a roupa manchada da carne.

- Quando o crente está cheio de Deus, a compaixão e a misericórdia pelos perdidos tomam o seu coração.

- Evangelismo é o fruto do amor divino revelado na vida dos que amam a Deus e se dispõem ao seu serviço, amam a Jesus Cristo que os salvou e amam ao perdido pecador.

- Esse amor desperta a compaixão no coração.

- Jesus Cristo no seu ministério terreno para ensinar e mostrar a importância da evangelização pegou setenta discípulos e os enviou de dois em dois, a todas as cidades e aldeias, para evangelizar e anunciar que era chegado o reino de Deus. 

- A Igreja Primitiva de Atos dos Apóstolos vivia esse trabalho como um estilo de vida.

- Era algo corriqueiro e normal na vida daqueles crentes naqueles dias.

At. 8.4: Mas os que andavam dispersos iam por toda parte anunciando a palavra.

- Crentes cheios do Espírito Santo anunciavam com alegria a palavra de Deus.

Conclusão: Se não estamos interessados em anunciar o evangelho de Cristo, é porque está faltando amor em nosso coração, e se falta amor é porque está faltando o poder do Espírito Santo.

At. 1.8: Mas recebereis a virtude do Espírito Santo, que há de vir sobre vós; e ser-me-eis testemunhas tanto em Jerusalém como em toda a Judéia e Samaria e até os confins da terra.

- Se o crente buscar de todo o coração, Deus concederá a sua graça.

Lc. 11.9: E eu vos digo a vós: Pedi, e dar-se-vos-á; buscai, e achareis, batei, e abrir-se-vos-á.

- Cumpramos a suprema tarefa da igreja.

 

 

 
       
 

Pr. Silvano Doblinski
Presidente da Igreja Assembleia de Deus
do Jabaquara em São Paulo - Brasil







 

 
Mais mensagens
Adicionar AD Jabaquara aos Favoritos