Home
 
 
 
 
 
 
  O Caminho Para a Saúde Espiritual

02/02/2016   

 
  Pv. 4.20-27    
 

 

Int.- A Palavra de Deus deve ter um valor muito grande em nossas vidas. Ela deve ser a nossa porção diária. Pois ela ilumina a nossa vida; nos sustenta; ela nos trás paz a alma; ela nos mostra a salvação e deve ser todo o nosso prazer.

      A Palavra de Deus é extremamente importante em nossa vida; quando a lemos, quando a estudamos, aprendemos a respeito de Deus e de tudo aquilo que Ele quer que façamos, para o servirmos com alegria e gratidão no coração.

      Existem duas coisas que são imprescindíveis na vida do crente: A oração e a leitura da Palavra de Deus. Quando oramos, nós falamos com Deus, e quando lemos a Palavra de Deus, Ele fala conosco.

      A Palavra de Deus é o registro do que os profetas, apóstolos e Jesus falaram, por inspiração de Deus, é a própria Bíblia.

      A Bíblia Sagrada é um manual que trás vida plena e abundante, quando nós a seguimos. A Palavra de Deus nos reveste e nos dá proteção. Quando ouvimos e recebemos a Palavra, gera-se em nós a libertação de todas as coisas mundanas, a transformação de vida, a restauração, a salvação. A Palavra de Deus tem o poder de nos limpar dos maus sentimentos e pensamentos, tem o poder de nos aconselhar, de abrir a nossa visão e de nos confortar.

      Nós servos de Deus precisamos da Palavra de Deus, para nos alimentar espiritualmente, para nos edificar, para nos ensinar como servirmos a Deus, para manter a nossa fé viva em Deus.

      A Palavra de Deus deve ser o nosso alento diário.

      O cristão que não dá importância a Palavra de Deus, vive uma vida de fé raquítica; sem fundamento; sem esperança; baseado no testemunho de outros cristãos, e naquilo que ele sente.

      Mas aquele crente que dá importância a Palavra de Deus, vive com seu espirito alimentado pela Palavra; vive uma vida de fé abundante, cheio de convicção e de esperança.

      Amados, a Palavra de Deus para nós cristãos, deve ser algo essencial, necessário e imprescindível em nosso viver cristão.

      Sem a Palavra de Deus não somos nada, somos vidas errantes nesse mundo.

      A nossa fé e o nosso cristianismo deve estar baseado na Palavra de Deus, e não em meros sentimentos.

I- O Caminho Que A Palavra Deus Nos Dá Para a Saúde Espiritual.

      Salomão usado por Deus mostra nesses versículos o caminho para a saúde espiritual.

V. 21: Não as deixe apartar-se dos teus olhos; guarda-as no meio do teu coração.

- O crente não deve apartar os seus olhos da Palavra de Deus, porque é luz para os nossos caminhos.

Sl. 119.105: Lâmpada para os meus pés é a tua palavra, e luz para o meu caminho.

- A Palavra de Deus dirige os nossos pés para não errarmos o caminho.

- A Palavra de Deus nos orienta em todas as decisões da vida.

- Ela é a bússola do crente.

- Quando buscamos orientação na Palavra de Deus não tem como a nossa vida dar errada.

- Deus tem o prazer de falar conosco pela Sua Palavra.

V. 22: Porque são vida para os que as acham, e saúde, para o seu corpo.

- A Palavra de Deus nos transmite a vida espiritual; a vida com Deus.

Pv. 8.35: Porque o que me achar, achará a vida e alcançará o favor do Senhor.

- A Palavra de Deus leva o crente a esse encontro com Deus, a receber a vida espiritual e eterna.

- E aqui fala: “E alcançará o favor do Senhor”.

- Quer dizer: Encontrará a benção de Deus para a sua vida.

- O mais importante para o crente além da sua salvação e saber que a benção de Deus está sobre ele.

- Quando a benção de Deus está sobre o crente: Ele tem paz; tem segurança; tem esperança; tem amor para revelar ao próximo.

- A benção de Deus sobre o crente faz ele caminhar em tranquilidade.

II- Salomão Revela Quatro Coisas Que Devemos Guardar.

- Guardando essas quatro coisas trarão um conhecimento para a caminhada do crente com Deus.

1- Guarda o Teu Coração.

V. 23: Sobre tudo o que se deve guardar, guarda o teu coração, porque dele procedem às saídas da vida.

- No coração está a fonte dos nossos desejos.

- Por isso ele é colocado aqui como importante.

- A ciência nos ensina que na realidade esta fonte seria localizada no cérebro, porém quando se fala, na Bíblia em emoções, desejos e sentimentos, se fala de coração e não do cérebro.

      Muitas vezes erramos por ouvir a voz do coração, ou seja, a voz das nossas emoções que, por sua vez nem sempre estão tratadas suficientemente para decidir a coisa certa.

Jr. 17.9: Enganoso é o coração, mais do que todas as coisas, e perverso; quem o conhecerá?

- O nosso coração pode nos enganar; por isso não podemos ser dirigidos por sentimentos.

- Alguém pode dizer: Quando eu sentir eu vou na igreja; quando eu sentir eu vou orar; quando eu sentir vou ler a Bíblia; quando eu sentir vou evangelizar; quando eu sentir vou contribuir.

- Todas essas coisas já estão ordenadas na Palavra de Deus para o crente.

- Não precisamos esperar ter nenhum sentimento para fazer essas coisas, elas já estão determinadas por Deus.

Pv. 28.26: O que confia no seu próprio coração é insensato, mas o que anda sabiamente escapará.

- Nosso coração deve ser guiado pela Palavra de Deus e pelo Espírito Santo.

Mt. 15.19: Porque do coração procedem os maus pensamentos, mortes, adultério, prostituição, furtos, falsos testemunhos e blasfêmias.

- Jesus fala: “Onde estiver o vosso tesouro, lá estará o vosso coração”.

- Por isso temos que procurar ter um coração voltado para o Senhor e sempre ouvindo a sua voz e não a voz das emoções.

2- Guardar a Tua Boca.

V. 24: Desvia de ti a tortuosidade da boca, e alonga de ti a perversidade dos lábios.

- Nossa palavra tem poder e autoridade, o que sai de nossa boca será usado pelo Espírito de Deus ou pelo inimigo da nossa alma. Quando usamos a boca como um canal de benção é como se ela fosse um manancial de águas cristalinas, porém quando a usamos para amaldiçoar ou fazer comentários pecaminosos, a nossa boca fica como uma rede de esgotos, por onde só passa aquilo que deve ser lançado fora.

Pv. 6.2: Enredaste-te com as palavras da tua boca, prendeste-te com as palavras da tua boca.

Pv. 18.21: A morte e a vida estão no poder da língua; e aquele que a ama comerá do seu fruto.

- Aquilo que falamos é importante para edificar ou para destruir.

- Use a sua boca para abençoar.

3- Guarda Os Teus Olhos.

V. 25: Os teus olhos olhem direitos, e as tuas pálpebras olhem diretamente diante de ti.

- Os olhos são o principal meio de entrada das informações que recebemos de tudo o que nos cerca. Podemos afirmar que é uma grande porta para que os desejos cheguem ao nosso coração.

- Os olhos são janelas da alma.

- Por isso devemos vigiar o que olhamos e como olhamos. Devemos lembrar também que o primeiro olhar não pode ser evitado, porém os demais podem.

Mt. 6.22,23: A candeia do corpo são os olhos; de sorte que, se os teus olhos forem bons, todo o teu corpo terá luz.

      Se, porém, os teus olhos forem maus, o teu corpo será tenebroso. Se, portanto, a luz que em ti há são trevas, quão grandes serão tais trevas.

- Os nossos olhos são uma parte essencial do nosso corpo, e Jesus destacou muito bem aqui nesses versículos.

- Tenha olhos bons.

4- Guarda Os Teus Pés.

V. 26: Pondera a vereda de teus pés, e todos os teus caminhos sejam bem ordenados.

- Os pés são eles que nos conduzem aonde queremos ir, porém temos de vigiar pois certos lugares não são para serem pisados pelos santos de Deus.

- Não pise com os seus pés onde não agrada a Deus.

- O Senhor nos chamou para usar os nossos pés para anunciar as boas novas.

Is. 52.7: Quão suaves são sobre os montes os pés do que anuncia as boas-novas, que faz ouvir a paz, que anuncia o bem, que faz ouvir a salvação, que diz a Sião: O teu Deus reina!

- Amados, a onde Jesus não pisaria o crente não deve pisar.

- Que os teus pés sejam guiados por veredas e lugares que agradam a Deus.

 

 

 

 

 
       
 

Pr. Silvano Doblinski
Presidente da Igreja Assembleia de Deus
do Jabaquara em São Paulo - Brasil







 

 
Mais mensagens
Adicionar AD Jabaquara aos Favoritos